5 Estereótipos Masculinos

 

estereotipo

Como era de se esperar, após o post dos 5 estereótipos femininos, um monte de balzaca, frustrada, virgens e princesas-que-esperam-seu príncipe-encantado desceram a lenha nos comentários do post me chamando de machista, de escroto, bobo, entre outras qualidades.

Eu entendo a defesa delas, afinal é mais fácil acreditar no mundo cor-de-rosa que é vendido para elas desde pequena, onde os homens são um bonequinho todo fofo, romântico e bonitinho a acreditar que boa parte deles só as vê como um buraco, que só quer levá-las pra cama e tchau.

Outras leitoras mais conscientes e esclarecidas curtiram o post, mas gostariam que eu fizesse o mesmo, porém focando no universo masculino. Como o cafajeste adora mimar suas leitoras, vou atender aos pedidos e falar sobre 5 estereótipos masculinos:

Claro, há bem mais perfis além destes 5, e além disso, muitas características observadas em um podem ser replicadas para os outros. Só que se eu for escrever sobre as exceções, isso aqui vira um tratado sobre os homens. Bom, chega de papo e vamos aos tipos:

labels-are-for-clothes2

 

Fofo bonzinho

Esse aqui é o queridinho das mulheres como amigo, mas como homem… Desde pequeno sempre tive certa aversão ao tipo, pois eles viviam cercados de mulheres, faziam trancinhas nos cabelos delas (wtf), eram um ombro amigo quando elas brigavam com a família ou tinham um desilusão amorosa, enfim eram muitas vezes mais íntimos que as próprias amigas, enquanto o pequeno cafajeste era o nerd bobo da classe, sem amigas. Só que depois de mais velho descobri que esses “fofos bonzinhos” só tinham moral como amigo mesmo, pois eles eram tão bonzinhos que na cama só faltavam pedir licença para penetrar na garota. São ótimos confidentes e zero de pegada. Por isso, desconfie muito daquele homem todo bonzinho, na hora H ele só saberá ser bonzinho.

Fofo malzinho

Muitas vezes os canalhas estão inseridos neste grupo. A ambivalência do fofo malzinho é revelada em dois momentos, no pré e no pós sexo. Antes de levar a garota pra cama, o cara é um doce. Está sempre ligando, mandando mensagem, mostra uma pseudo preocupação sobre assuntos pessoais da garota, paga as contas, leva pra assistir comédia romântica (gênero odiado por 90% dos homens), enfim faz de tudo para a mulher pensar “nossa, esse cara é um fofo, vale ir pra cama”. Ai o fofo vira um malzinho. Na cama ele não faz a mínima questão de ser fofo, é do tipo que empurra a cabeça da mulher para o amigão, a trata como uma atriz de filme pornô e só pensa no seu prazer. Ai nos dias seguintes o cara some, aparece de vez em quando, não paga mais as contas, não quer saber dos problemas pessoais da garota, só pensa em levá-la para motéis (quando não a leva pra drive in) e se a garota ficou apaixonada, abraço, arrumou problema pra cabeça (literalmente).

Carente da mamãe

O carente sempre foi paparicado pela mamãe, mesmo que ele complete 30 anos vai continuar morando na casa dos pais e esperando que seu café esteja pronto na mesa quando acordar. Por ser tão dependente, acha que a garota deve ser mãe mirim dele e muitas vezes procura justamente uma mulher com as mesmas características de sua mãe (ao menos psicológicas(leia-se complexo de édipo também)). É uma pessoa sem atitude, não sabe pra onde quer ir, o que quer fazer e se aborrece ao ser contrariado. Se alguma garota é apaixonada por esse tipo, a melhor forma de conquistá-lo é conquistar a sua mãe primeiro.

Machão machista

É um dos tipos mais comuns. Geralmente estão sempre solteiros pulando de micareta em micareta, frequentando as principais festas e baladas, e claro, pegando a maior quantidade possível de mulher. A maioria desses caras vê as mulheres como objeto. Se namoram, são infiéis e desprezam os sentimentos da companheira. Eles podem comer várias, mas se a mulher já deu pra algum cara que não foi seu namorado, são os primeiros a tachar a garota de vagabunda. Adoram tirar sarro das garotas que se apaixonam por eles. A grande diversão é mostrar prints de conversa no msn, mostrar os sms apaixonados e colocar a coitada no viva-voz no meio da roda de amigos para mostrar o quão ele é gostoso e as mulheres correm atrás dele. Como identificar um Machão machista? É só observar o relacionamento dos pais do garoto, geralmente a mãe é uma submissa e o pai um asqueroso.

Cafajeste

É um estereótipo complicado. Odiado por algumas e amado por outras, os cafajestes sempre estão no limbo da classe masculina, ora tidos como anjos, ora como demônios. As principais características dos cafajestes são a facilidade com que levam um relacionamento casual, sua capacidade de não se envolver tão fácil, e principalmente, a lábia. Cafajestes sabem tratar bem a mulher quando preciso e batem quando necessário (não digo violência física). Não são medíocres, conseguem conversar sobre qualquer assunto e valorizar a mulher como se ela fosse a melhor mulher do mundo. E por tratar cada uma com exclusividade e carinho, é comum a garota ficar envolvida achando que o cara quer algo sério. Só que ao perceber que a garota já está toda babando no seu pé, ele dá aquela sumidinha básica até que ela se recomponha. Sou suspeito para falar desse estereótipo, pois faço parte dele, mas se serve como consolo, cafajestes quando descobrem a mulher, podem perder a habilidade de sumir.

CLASSIFIQUE ESSE POST: O que achou?

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *